Quinta, 12 de dezembro de 2013 às 16:00

Fashionzoom - Letras de Chocolate

Fashionzoom - Letras de Chocolate

Uma tradição Holandesa

Existe uma tradição de Natal no Norte Europeu, e ainda mais forte e tradicional na Holanda, que são as letras de chocolate. Achamos a história muito fofa e vamos contar um pouco dela para vocês!

Se você tiver a sorte de viajar para a Holanda durante o período festivo de Sinterklaas (Saint Nicholas/São Nicolau), então você vai participar em muitas das celebrações divertidas e provar algumas delícias típicas que são apreciadas neste momento especial do ano.

Lojas e chocolateiras literalmente transbordam com as chocoladeletter - uma letra generosa feita de chocolate sólido, sendo ela a primeira inicial do nome da criança.

Nas semanas que antecederam a Pajkesavond (noite de comemoração do SinterklaasI) em 5 de dezembro, as crianças holandesas habitualmente deixam seu sapato/meia em frente à lareira, na esperança de que Sinterklaas vai descer pela chaminé e preenchê-lo com um presente e uma letra de chocolate muito. É claro que, assim como o Papai Noel, Sinterklaas só deixa guloseimas para as crianças que foram boas durante todo o ano!

Essas delícias de chocolate distintas têm sido associados com Sinterklaas por tanto tempo, que muitos holandeses já se esqueceram porque o “dar e receber” das letras deles tornou-se um ritual tão importante.

As letras eram inicialmente feitas de massa e não de chocolate. Você pode ver estas letras nas pinturas holandesas nos séculos XVI e XVII. Mas foi no século XIX, porém, que elas se tornaram tão intrinsecamente ligada à celebração popular. Por esta altura os pais queriam evitar que seus filhos se espiassem os presentes de Sinterklaas, então eles escondiam os presentes em sacos. Para garantir que os presentes fossem dados para o destinatário correto, as letras de pastelaria que representam as iniciais da criança eram colocados no topo.

No início do século XX, a indústria do chocolate holandês começou a florescer e as primeiras versões de chocolate dessas letras se tornaram disponíveis. A produção foi suspensa no entanto, devido ao grave escassez e racionamento durante a Segunda Guerra Mundial. O principal fabricante de chocolate holandês, Verkade , produziu temporariamente letras de gengibre para permitir que seus clientes continuassem com suas tradições muito queridas, apesar das circunstâncias infelizes. Uma vez que o racionamento terminou na década de 1950, a fabricação de letras de chocolate foi retomada e estas começaram a ser consumidas em quantidades cada vez maiores.

Hoje em dia há muitas variedades para escolher, incluindo "Melk" (leite), “Witte” (branco) ou “Puur” (meio amargo). As letras de chocolate são muitas vezes recheadas de marzipãs ou amêndoas.

255

Cadastrar

VIDEO DA SEMANA

Conclua seu cadastro para comentar no site

Já possuo cadastro Continuar

Entrar com Facebook